O dia do Geólogo!


O dia 30 chegou e neste dia comemoramos mais um Dia do Geólogo! Hoje celebramos uma das mais nobres profissões, uma profissão marcada de desafios e cercada por pessoas apaixonadas.

Para você entender melhor como é a nossa vida é preciso lhe explicar a nossa formação. Podemos iniciar a definição dessa ciência através da etimologia da palavra “Geologia”. De origem grega, significa a junção de: “Geo” e “Logos” que significam, respectivamente, “Terra” e “Falar”. Nesse sentido, torna-se geólogo aquele que “fala sobre a Terra”.

O “olhar geológico”, maneira carinhosa que profissionais da área apelidaram o estudo da Geologia, é desenvolvido através de atividades de campo ao ar livre. A observação de afloramentos e da paisagem é o que aborda a área tradicional dessa ciência, a “Geologia de campo”.

Geologia e o Meio Ambiente

Em tempos de discussões calorosas sobre mudanças climáticas do planeta, o estudo da história da Terra é vital para a caracterização dos climas passados e como estes mudaram ao longo do tempo geológico. Essas informações são valiosas para entender como o clima atual está mudando e quais podem ser as consequências dessas modificações, como um possível aquecimento global.

Ainda como olhar ambiental, a “Geoquímica Ambiental” permite aos geólogos realizarem estudos sobre áreas degradadas por contaminações através de processos humanos e/ou naturais com a finalidade de propor soluções de recuperação. Esse estudo pode ser feito através de coleta e análises de amostras de solo, sedimentos e/ou água, em que o objetivo é identificar os elementos químicos presente nas amostras.

Os Recursos Minerais

A compreensão dos materiais da Terra é essencial, pois a sociedade utiliza-se de fontes minerais para construir os itens mais básicos que permeiam nosso cotidiano. Aparelhos tecnológicos utilizados por quase todos, como celulares e computadores, possuem elementos químicos que precisam ser extraídos de depósitos minerais.

Os recursos minerais se estendem também ao petróleo e gás e cabe ao geólogo a compreensão e interpretação desses depósitos. Nomeia-se “Geologia de Exploração” a área que tem por objetivo encontrar e esses recursos minerais. As ferramentas utilizadas nessa área são diversas, porém destaca-se a “Geofísica”, “Gênese de jazidas” e “Geoquímica Orgânica”.

A Graduação

O curso de bacharelado em Geologia tem duração média de 5 anos. Oferece aos seus alunos a oportunidade de experimentar essa ciência do nível micro através de análises de minerais no microscópio até o nível macro através de atividades de campo. É essencial que o aluno tenha interesse e disposição para atividades ao ar livre e tenha íntima vontade de compreender os fenômenos terrestres. As ciências que baseiam à Geologia são a Química, Física, Matemática e Ciências Naturais, portanto é vital o interesse nesses tópicos para a realização do curso.

Uma Forma de Viver...

Em uma de minhas viagens, sentei-me a mesa do café da manhã junto de uma amiga. Falávamos sobre quase tudo com muita empolgação, afinal ela acordava com uma energia atípica... Deus! Quem acorda desse jeito?

Pois bem, durante a conversa desviei um pouco meu olhar para o tampo da mesa e vi que se tratava de um migmatito com pequenas dobras ptigmáticas. Era lindo!

Ela percebeu que meu interesse se voltava para a mesa, deu de ombros e rendeu-se perguntando como era "feito"...

Expliquei que aquilo era natural e que era preciso grandes pressões e alta temperatura para sua formação. Expliquei os alinhamentos minerais e suas características cristalográficas... expliquei-lhe o tampo da mesa...

Por fim, ela me perguntou: _ Para que você sabe disso?

Respondi:

"Isso me permite dizer a história do mundo. O que aconteceu, o que acontece e o que vai acontecer..."

Eu sou geólogo. Eu sei!


0 visualização

Insira seu e-mail para receber nossas novidades

  • Facebook
  • insta
  • Twitter

© 2016 - Desenvolvido por ÍGNEA